0800 039 4269
Atendimento aos Usuários de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do
Rio Paranaíba
FALE CONOSCO
Formulário Online
E-mail
Telefone
(64)3431-5026
Endereço
Rua Rui de Almeida, nº 630 - Centro
Itumbiara - GO
CEP: 75.526-050
©2013. Todos os direitos reservados.

3ª Reunião CTI

30 de novembro às 8h30 - Uberlândia - MG

Bonita pra Tetéu

Autor: Antônio Luis da Silva Santos

Cachoeira do Rio Claro

Autor: Flávia Scupino

Tranquilidade

Autor: Dilma Couto Oliveira

22ª Reunião Ordinária

29 de novembro às 09h - Universidade de Uberaba - Uberlândia - MG

NOTÍCIA » Instituto Trata Brasil divulga ranking do saneamento

29/10/2018 às 17:05

 

Confira a situação da bacia do rio Paranaíba

 

 

 

O Instituto Trata Brasil, organização formada por empresas com foco no desenvolvimento do saneamento básico no Brasil, divulgou o Ranking do Saneamento Básico do ano de 2018. Os dados foram retirados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) utilizando informações do ano de 2016.

O relatório oferece informações sobre população, fornecimento de água, coleta e tratamento de esgoto, investimentos e perdas de água. Nele são consideradas apenas as informações dos 100 maiores municípios em termos de população no ano de 2017.

Entre os municípios da bacia, Anápolis, Uberlândia, Uberaba e Goiânia estão em 1º lugar no índice de atendimento de água, com 100% de universalização em atendimento de água. No mesmo item, alguns municípios da bacia ainda não alcançaram resultados tão bons e terão maiores desafios para atingí-los, como o município de Aparecida de Goiânia, que possui 76% de atendimento total de água, o que o colocou em 92º lugar no ranking. Os municípios com os piores resultados foram das regiões norte e nordeste do Brasil.

Dois municípios da bacia também foram destaque no índice de coleta de esgoto na área urbana e rural: Uberaba e Uberlândia alcançaram, respectivamente, 98% e 97% de esgoto coletado.

O relatório indicou quais municípios da bacia apresentam os menores índices de perdas de água durante a distribuição, são eles: Goiânia (22%), Aparecida de Goiânia (25%), Uberlândia (25%) e Uberaba (30%).

Outro indicador analisado foi a média dos investimentos sobre receita arrecadada nos últimos cinco anos. Neste indicador o destaque foi o município de Aparecida de Goiânia, que reinveste 60% dos valores arrecadados.

No quadro geral, os municípios mineiros de Uberlândia e Uberaba, ficaram entre os 20 melhores em saneamento básico do Brasil, ocupando, respectivamente, o 3º e o 10º lugar. Nenhum município da bacia do rio Paranaíba foi classificado entre os 20 piores no ranking do saneamento.

Fonte: Assessoria De Comunicação CBH Paranaíba